Nos dias de hoje, dificilmente encontraremos algum lugar que não utilize algum tipo de equipamento de TI em seu estabelecimento comercial — até a quitanda de bairro usa uma máquina que aceita cartões para pagamento. E, quanto maior o ramo empresarial, maior a necessidade do uso da tecnologia para realizar as tarefas do dia a dia.

O crescente uso de computadores e demais tecnologias fez com que as empresas e indústrias começassem a se preocupar. As tecnologias deixaram de ser meras ferramentas e passaram a ser essenciais para o desenvolvimento do negócio.

Diante deste cenário, notou-se a necessidade de criar um mecanismo que controlasse de forma eficiente o uso de TI, em que o investimento fosse mais direcionado e os resultados alcançados fossem mais rápidos e rentáveis. Foi então que surgiu o que chamamos de auditoria de TI.

O que é auditoria de TI?

Auditoria tem por objetivo verificar se determinadas atividades estão de acordo com o programado e identificar e mitigar os riscos que podem vir a surgir dentro da área em questão.

Na área de TI, uma auditoria visa verificar se o planejamento foi bem elaborado, se sua aplicação foi executada de maneira correta, se os equipamentos e softwares atendem às necessidades da empresa, se o resultado obtido tem sido satisfatório, se atendem às legislações previstas para aquela área e identificar e resolver possíveis problemas.

A auditoria pode ser interna e externa:

  • Interna: realizada por funcionário da própria empresa que busca satisfazer as necessidades da administração, revisando operações e detectando riscos e fraudes, baseado nas normas e no modelo de gestão adotado pela empresa;
  • Externa: geralmente visa buscar um controle de qualidade reconhecido, como uma ISO por exemplo, e então é feita por profissional de fora da empresa, que verifica se o negócio possui em sua organização os requisitos exigidos por órgão externo, verificando principalmente a confiabilidade e a veracidade das informações e dos resultados apresentados.

Resumindo, a auditoria de TI tem como objetivo determinar se um sistema de TI está atendendo as necessidades ao qual foi determinado e eliminar os riscos encontrados.

Quais são os benefícios da auditoria de TI?

Os benefícios alcançados pela auditoria interna e externa são muitos:

  • Maior credibilidade para clientes e acionistas da empresa;
  • Melhor uso da área de TI, garantindo mais credibilidade, confiabilidade, segurança, disponibilidade e desempenho dos sistemas adotados;
  • Menores riscos para a corporação;
  • Otimização dos projetos e dos planejamentos, o que permite novas estratégias para a empresa, baseando-se nos sistemas de informação e nos relatórios obtidos por meio da auditoria e na qualidade dos dados adquiridos;
  • Solidez da empresa diante das legislações existentes;
  • Melhor aproveitamento dos recursos das ferramentas de TI, poupando investimentos desnecessários.

Por que aplicar uma auditoria de TI em sua empresa?

A auditoria de TI traz para a empresa que passa a utilizá-la a transparência da área de TI diante de todos os envolvidos no ramo dos negócios — empresários, funcionários, empresas e clientes.

Ao auditar, a área de TI passa a ser vista como um ativo dos negócios, pois uma TI de confiança, estável e segura fornece a base para que todos os dados que circulam naquele ambiente estejam protegidos e sejam bem utilizados para o planejamento de novas estratégias.

Mais do que gerir os processos, a auditoria de TI visa colocar a empresa em uma posição de destaque, garantindo estabilidade e confiança no mundo dos negócios.

Pronto! Ficou mais claro como funciona uma auditoria de TI? Caso queira ter acesso a mais informações como essa, curta nossa página no Facebook e siga nosso perfil no Twitter.